Tudoem Bertioga
Tudoem Bertioga Tudoem Bertioga Tudoem Bertioga Tudoem Bertioga Tudoem Bertioga Tudoem Bertioga Tudoem Bertioga Tudoem Bertioga Tudoem Bertioga Tudoem Bertioga

Close
Fechar
Veja as câmeras ao vivo de Bertioga
Tudoem Bertioga

“Termo de Adesão” para gestão das praias

Fonte:Prefeitura de Bertioga
Tudoem Bertioga
Tudoem Bertioga

Município encaminha ao Governo Federal “Termo de Adesão” para gestão das praias

 

O Município de Bertioga formalizou esta semana sua intenção de cuidar dos seus 33 quilômetros de praia. Para isso, a prefeitura enviou à Secretaria do Patrimônio da União (SPU) o “Termo de Adesão”, que é o documento pelo qual o Governo Federal transfere aos municípios a gestão das praias, inclusive as áreas de bens de uso comum com exploração econômica. O anúncio ocorreu durante reunião do Condesb (Conselho de Desenvolvimento da Baixada Santista), realizado nesta quinta, dia 27, no Sesc Bertioga.

O documento é importante porque transfere o controle para o Município de uma série de ferramentas que podem incentivar a economia e o turismo na Cidade.

Na prática, formaliza uma situação que hoje parcialmente já ocorre em muitas cidades litorâneas, sobre as quais recai uma série de obrigações, como zelar e fiscalizar o uso da área das praias, que é um patrimônio da União. Com esse instrumento legal, o Município passa a ter autonomia maior para gerir suas praias, mas fica sujeito à fiscalização e legislação federal.

“É a realização de um sonho de prefeitos e da população, de ter direito de fazer alguma coisa na área que é do próprio povo, sem excesso de burocracia, porque para todas essas ações, a Cidade tinha que procurar a Secretaria do Patrimônio da União. Agora, com a adesão, vai ser mais fácil para os municípios desenvolverem as ações e resolver os problemas das suas praias”, afirmou o secretário do Patrimônio da União, Sidrack de Oliveira Correia Neto, que esteve na reunião do Condesb.

Agora, a SPU tem até 30 dias para se manifestar favorável ou não ao Termo de Adesão enviado pela Cidade. Se for aceito, o termo será publicado no Diário Oficial da União e terá início sua vigência. O documento é válido por 20 anos, podendo ser prorrogado.

Caso Bertioga passe a gerir suas praias, fica responsável por autorizar e firmar contratos de permissão de uso e cessão de uso nas praias, inclusive para exploração econômica. O termo também prevê a realização de eventos esportivos e culturais nestes locais. Além disso, o instrumento autoriza o repasse integral ao Município das receitas provenientes das autorizações concedidas, mas a titularidade das praias continua sendo da União.

O objetivo da Secretaria do Patrimônio da União é “estabelecer condições para uma melhor gestão dos espaços litorâneos, ensejando uma melhoria continuada, orientada para o uso racional e a qualificação ambiental e urbanística desses territórios”.

Autor

Tudoem

Prefeitura do Município de Bertioga

Prefeitura do Município de Bertioga (13) 3319-8000

bertioga@tudoembertioga.com.br

www.bertioga.sp.gov.br

Comentários

Voltar ao Topo